Regras Gerais Para o Tratamento


1) Consulte um médico de olhos simpatizante deste nosso método.

2) Se você se trata sozinho, os óculos podem ser postos de lado tão rápida e completamente quanto possível. Óculos fracos podem ser abandonados logo que os exercícios tenham início. Óculos fortes devem ser abandonados, sempre que possível ou substituídos por mais fracos. O exercício durante um mês, usualmente, permitirá reduzir-se o grau dos óculos de vinte e cinco a cinqüenta por cento.

3) Vista cansada, hipermetropia, presbiopia e catarata são diferentes etapas da mesma coisa. Embora os exercícios receitáveis para um caso sejam igualmente bons para os outro.

4) Quanto mais vezes forem praticados os exercícios, mais depressa os olhos voltarão em seu estado normal.

5) Se os exercícios forem praticados corretamente e por suficiente espaço de tempo, os olhos obterão cura permanente

6) Piscar, Piscar, Piscar. Ligeira e continuamente. Isto não interrompe a visão.

7) Antes de adormecer relaxe seus olhos conscientemente. Sinto os olhos soltos e à vontade. Pratique o “Grande Volteio” antes de deitar-se.

8) Os exercícios visuais são em si mesmos simples, construtivos, reeducativos e beneficiarão quem quer que os pratique.

9) O exercício “Grande Volteio” é essencial em cada tratamento porque obtém alto grau de relaxação diminuindo a tensão do pescoço, dos ombros e de parte das costas. Com os movimentos do “Grande Volteio” reforça-se a mobilidade dos olhos.

10) Os exercícios não só tem auxiliado muito e apressado a volta à visão normal e muitas pessoas mas lhes tem diminuído a tensão geral a até curado o hábito da insônia. Faça-os suavemente passando de um movimento para outro.